dom total liturgiaRELIGIÃO LITURGIA DIÁRIA
Dia 16 de Junho – Quarta-feira
XI SEMANA DO TEMPO COMUM
(Verde – Ofício do Dia)

Antífona de Entrada
Ouvi, Senhor, a voz do meu apelo: tende compaixão de mim e atendei-me; vós sois meu protetor: não me deixeis; não me abandoneis, ó Deus, meu salvador! (Sl 26,7.9)

Oração do dia
Ó Deus, força daqueles que esperam em vós, sede favorável ao nosso apelo e, como nada podemos em nossa fraqueza, dai-nos sempre o socorro da vossa graça, para que possamos querer e agir conforme vossa vontade, seguindo os vossos mandamentos. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Leitura (2 Coríntios 9,6-11)
Leitura da segunda carta de são Paulo aos Coríntios.
9 6 Convém lembrar: “aquele que semeia pouco, pouco ceifará. Aquele que semeia em profusão, em profusão ceifará”.
7 Dê cada um conforme o impulso do seu coração, sem tristeza nem constrangimento. Deus “ama o que dá com alegria”.
8 Poderoso é Deus para cumular-vos com toda a espécie de benefícios, para que tendo sempre e em todas as coisas o necessário, vos sobre ainda muito para toda espécie de boas obras.
9 Como está escrito: “Espalhou, deu aos pobres, a sua justiça subsiste para sempre”.
10 Aquele que dá a semente ao semeador e o pão para comer, vos dará rica sementeira e aumentará os frutos da vossa justiça.
11 Assim, enriquecidos em todas as coisas, podereis exercer toda espécie de generosidade que, por nosso intermédio, será ocasião de agradecer a Deus.
Palavra do Senhor.

Salmo Responsorial 111/112
Feliz aquele que respeita o Senhor!
Feliz o homem que respeita o Senhor
e que ama com carinho a sua lei!
Sua descendência será forte sobre a terra,
abençoada a geração dos homens retos!

Haverá glória e riqueza em sua casa,
e permanece para sempre o bem que fez.
Ele é correto, generoso e compassivo,
como luz brilha nas trevas para os justos.

Ele reparte com os pobres seus bens,
permanece para sempre o bem que fez,
e crescerão a sua glória e seu poder.

Evangelho (Mateus 6,1-6.16-18)
Aleluia, aleluia, aleluia.
Quem me ama realmente guardará minha palavra e meu Pai o amará e a ele nós viremos (Jo 14,23).
Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus.
Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 6 1 “Guardai-vos de fazer vossas boas obras diante dos homens, para serdes vistos por eles. Do contrário, não tereis recompensa junto de vosso Pai que está no céu.
2 Quando, pois, dás esmola, não toques a trombeta diante de ti, como fazem os hipócritas nas sinagogas e nas ruas, para serem louvados pelos homens. Em verdade eu vos digo: já receberam sua recompensa.
3 Quando deres esmola, que tua mão esquerda não saiba o que fez a direita.
4 Assim, a tua esmola se fará em segredo; e teu Pai, que vê o escondido, recompensar-te-á.
5 Quando orardes, não façais como os hipócritas, que gostam de orar de pé nas sinagogas e nas esquinas das ruas, para serem vistos pelos homens. Em verdade eu vos digo: já receberam sua recompensa.
6 Quando orares, entra no teu quarto, fecha a porta e ora ao teu Pai em segredo; e teu Pai, que vê num lugar oculto, recompensar-te-á.
16 Quando jejuardes, não tomeis um ar triste como os hipócritas, que mostram um semblante abatido para manifestar aos homens que jejuam. Em verdade eu vos digo: já receberam sua recompensa.
17 Quando jejuares, perfuma a tua cabeça e lava o teu rosto.
18 Assim, não parecerá aos homens que jejuas, mas somente a teu Pai que está presente ao oculto; e teu Pai, que vê num lugar oculto, recompensar-te-á”.
Palavra da Salvação.Comentário ao Evangelho
A PIEDADE DISCRETA
A piedade judaica valorizava, de maneira especial, três práticas: a esmola, a oração e o jejum. Cada uma apontava para um tipo diferente de relação. A esmola indicava a relação de misericórdia com o próximo, cujas necessidades se tentava remediar. A oração expressava a relação amorosa com Deus, com quem se procurava estar em contínuo diálogo. O jejum se colocava no nível da relação do indivíduo consigo mesmo e consistia na busca do domínio dos instintos e das paixões, de modo a preparar para uma relação cada vez mais correta com Deus e com o próximo.
O discípulo de Jesus não estava dispensado destas práticas tradicionais de piedade. Elas se mantinham válidas quando sua finalidade era garantida. Entretanto, havia no tempo de Jesus quem desvirtuasse seu sentido e se servisse delas para alimentar seu espírito de vanglória. Jesus tentou precaver seus discípulos desta deturpação da piedade, ensinado-lhes a discrição. Mostrar-se piedoso só para ser visto e louvado pelas pessoas, era inútil e revelava uma motivação hipócrita. A inutilidade resultava da obtenção de louvores por parte dos admiradores, dispensando assim a recompensa divina. A piedade, neste caso, não atingia seu objetivo. Pelo contrário, quando praticada no escondimento e de maneira discreta, a piedade era observada apenas pelo Pai, de quem proviria a verdadeira recompensa.

Quando Orardes - Jesus Nos Ensina Como Devemos Orar

oração
Senhor Jesus, livra-me de praticar a piedade buscando fazer-me admirado pelas pessoas e ensina-me a praticá-la de maneira discreta, para obter a recompensa do Pai.

O comentário do Evangelho é feito pelo Pe. Jaldemir Vitório – Jesuíta, Doutor em Exegese Bíblica, Professor da FAJE – e disponibilizado neste Portal a cada mês.
Sobre as Oferendas
Ó Deus, que pelo pão e vinho alimentais a vida dos seres humanos e os renovais pelo sacramento, fazei que jamais falte este sustento ao nosso corpo e à nossa alma. Por Cristo, nosso Senhor.
Antífona da Comunhão
Pai santo, guarda no teu nome os que me deste, para que sejam um como nós, diz o Senhor (Jo 17,11).
Depois da Comunhão
Ó Deus, esta comunhão na eucaristia prefigura a união dos fiéis em vosso amor; fazei que realize também a comunhão na vossa Igreja. Por Cristo, nosso Senhor.

Não sejais como os hipócritas

carta

Publicado: junho 15, 2021 em Carta Capital, jornalismo, politica e debates_

na web TERÇA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2021 CPI DA COVID Ranfolfe Rodrigues: jogando luz nas sombras
A existência de um gabinete das sombras ganha força e a CPI aprofunda investigações nessa direção
→ LEIA NO SITE
SAÚDE Vacinas brasileiras contra a Covid patinam por falta de dinheiro e interesse do governo
Para além da Butanvac, mais de uma dezena de projetos financiados por startups e universidades penam para conseguir recursos federais
→ LEIA NO SITE


ALVO Wizard, o Mr. Cloroquina, pede para depor virtualmente à CPI da Covid
Randolfe Rodrigues chegou a ‘invadir’ uma live para cobrar o empresário
→ LEIA NO SITE DIRETO DA REDAÇÃO Fique por dentro das principais notícias do dia
Sergio Lirio e André Barrocal comentam
→ PERDEU O AO VIVO? ASSISTA AGORA NA MIRA <img class=”m_-1757556811270243174img-max CToWUd” src=”https://ci3.googleusercontent.com/proxy/uevgTvJkb3d9W6B8MG60ga-blREP3UiH1LcFnaeUbNcbFrxjq5MFL6LgL0OK158CJusBBGxGiLDsr6OSXR2wvVOSejiKMj1S_z0EJmdGNIsfyfLEvuon3WTF5Ho3BA=s0-d-e1-ft#https://d335luupugsy2.cloudfront.net/cms/fil
TCU cria comissão para investigar relatório falso sobre a Covid

Os dados do documento falso foram propagados pelo presidente Jair Bolsonaro
→ LEIA NO SITE> POLÍTICA 
Rodrigo Maia é expulso do DEM
Deputado cometeu infração disciplinar, diz a sigla
→ LEIA NO SITE A pandemia não acabou. Use máscaras, lave as mãos e, se puder, fique em casa. Vamos sair dessa. ATENDIMENTO Para questões sobre sua assinatura entre em contato

com nossa central de atendimento de segunda a
sexta-feira, das 9:00h às 18:00h (exceto feriados): São Paulo – (11) 3512-9486
Rio de Janeiro – (21) 4062-7183
Belo Horizonte – (31) 4062-7183
Brasília – (61) 3181-0215
Ou, se preferir, entre em contato pelo Fale Conosco.Enviado por CartaCapital
Alameda Santos, 1800 – 7º Andar – São Paulo, SP, Brasil

valor

Publicado: junho 15, 2021 em economia e negócios, jornalismo

acesse este link Valor International Edição do DiaTerça-feira, 15 de Junho de 2021
Empresas
Leilões municipais de saneamento preveem ao menos R$ 3,6 bi em obras  Finanças
Gestores de fundos imobiliários apostam em ‘efeito vacinação’

Empresas
Ranking global de filantropia aponta Brasil em 54º lugar Brasil
Planalto mira dividendos em reforma do IR Política
Pacheco pauta para amanhã votação da MP da Eletrobras Valor Investe
Opinião

É preciso repensar o setor elétrico
Especial
Indústria quer desconto para mudar horário de produção Agronegócios
Grandes tradings criam empresa de frete
ESPECIAL PUBLICITÁRIO
Bolsa sobe com nova agenda de vacinação


 Renda Variável


 

embrapa bullet

Publicado: junho 15, 2021 em embrapa pesquisa agropecuária __

Agência Embrapa de Notícias


  Boletim de Pautas da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Embrapa
Número 336, 15 de junho de 2021
Pautas Inéditas

Cientistas obtêm nanocristais da palha da cana-de-açúcarEstruturas da celulose são consideradas materiais verdes e de alto valor para a indústria
Leia mais
<

Novo kit acelera o diagnóstico da tuberculose bovina

Associado a testes já utilizados no Brasil, método Elisa diminui custos para o setor produtivo
Leia mais<

Técnica é capaz de aumentar produtividade de grãos em 26 sacas por hectare no Sul

Sistema sulco-camalhão reduz estresse hídrico em culturas de milho e soja em terras baixas gaúchas

Leia maisGeoPortal TerraClass apresenta dados de uso e cobertura da terra no Cerrado
Mapeamento identificou que cerca de 29% da área do bioma é ocupada por pastagens
Leia mais
Soja em sistema de Integração Lavoura-Pecuária desponta como alternativa para desenvolvimento regional

Leguminosa é implantada com sucesso em Minas Gerais na recuperação de pastagens e aumento na produção de alimentos
Leia mais
Sonda brasileira para aquicultura ganha novos sensores e funcionalidades

Equipamento agora é capaz de detectar amônia e algas azuis e pode ser acoplada a uma estação meteorológica flutuante
Leia mais
>Edital
Hotsite

Hotsite
Revista XXI Ciência para a Vida

Hotsite
Uma produção da Embrapa e da TV NBR

Agência Embrapa de Notícias – Diretoria de Pesquisa e Desenvolvimento. DiretorGuy de Capdeville. Secretaria de Pesquisa e Desenvolvimento (SPD). SecretárioBruno BrasilGerente de Informação Científica e TecnológicaJuarez Barbosa Tomé JúniorSupervisor de Comunicação da CiênciaFabio Reynol de Carvalho EditoresFabio Reynol, Fernanda Diniz, Cristina Oliveira, Juliana Freire, Marita Cardillo e Sandra ZambudioRevisãoEduardo PinhoProjeto gráfico e desenvolvimentoGabriel Nogueira, Josiel Lima, Luiz Severnini e Roberta Barbosa. O conteúdo da Agência Embrapa de Notícias pode ser reproduzido livremente. Os autores das fotos, gráficos e demais imagens devem ser citados.

Se você não deseja receber e-mails da Agência Embrapa de Notícias, clique aqui.

You received this message because you are subscribed to the Google Groups “agencia-l@embrapa.br” group.
To unsubscribe from this group and stop receiving emails from it, send an email to agencia-l+unsubscribe@embrapa.br.
To view this discussion on the web visit https://groups.google.com/a/embrapa.br/d/msgid/agencia-l/CAHcgNTfy4uOPG4DZv2bTfnva1Dd%3DV-%2Bc_98%2BVUWiiyetny76pg%40mail.gmail.com.

Siga o link para gerenciar o armazenamento”><


Religião Liturgia Diária <a href="https://domtotal.com/religiao-liturgia-diaria.php" rel="noopener" target="_blank">Dia 15 de Junho -</a> Terça-feira XI SEMANA DO TEMPO COMUM (Verde – Ofício do Dia) Antífona de Entrada Ouvi, Senhor, a voz do meu apelo: tende compaixão de mim e atendei-me; vós sois meu protetor: não me deixeis; não me abandoneis, ó Deus, meu salvador! (Sl 26,7.9) Oração do dia <em>Ó Deus, força daqueles que esperam em vós, sede favorável ao nosso apelo e, como nada podemos em nossa fraqueza, dai-nos sempre o socorro da vossa graça, para que possamos querer e agir conforme vossa vontade, seguindo os vossos mandamentos. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.</em> Leitura (2 Coríntios 8,1-9) Leitura da segunda carta de são Paulo aos Coríntios. Irmãos, 8 1 desejamos dar-vos a conhecer, irmãos, a graça que Deus concedeu às igrejas da Macedônia. 2 Em meio a tantas tribulações com que foram provadas, espalharam generosamente e com transbordante alegria, apesar de sua extrema pobreza, os tesouros de sua liberalidade. 3 Sou testemunha de que, segundo as suas forças, e até além dessas forças, contribuíram espontaneamente 4 e nos pediam com muita insistência o favor de poderem se associar neste socorro destinado aos irmãos. 5 E ultrapassaram nossas expectativas. Primeiro deram-se a si mesmos ao Senhor e, depois, a nós, pela vontade de Deus. 6 De maneira que recomendamos a Tito que leve a termo entre vós esta obra de caridade, como havia começado. 7 Vós vos distinguis em tudo: na fé, na eloqüência, no conhecimento, no zelo de todo o gênero e no afeto para conosco. Cuidai de ser notáveis também nesta obra de caridade. 8 Não o digo como quem manda, mas, para exemplo do zelo dos outros, quisera pôr em prova a sinceridade de vossa caridade. 9 Vós conheceis a bondade de nosso Senhor Jesus Cristo. Sendo rico, se fez pobre por vós, a fim de vos enriquecer por sua pobreza. Palavra do Senhor. Salmo Responsorial 145/146 Bendize, ó minha alma, ao Senhor! Bendirei ao Senhor toda a vida, cantarei ao meu Deus sem cessar! É feliz todo homem que busca seu auxílio no Deus de Jacó e que põe no Senhor a esperança. O Senhor fez o céu e a terra, fez o mar e que neles existe. O Senhor é fiel para sempre. Faz justiça aos que são oprimidos; ele dá alimento aos famintos, é o Senhor quem liberta os cativos. O Senhor abre os olhos aos cegos, o Senhor faz erguer-se o caído, o Senhor ama aquele que é justo. É o Senhor quem protege o estrangeiro. Evangelho (Mateus 5,43-48) Aleluia, aleluia, aleluia. <em>Eu vos dou novo preceito: que uns aos outros vos ameis, como eu vos tenho amado (Jo 13,34).</em> Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus. Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 5 43 "Tendes ouvido o que foi dito: ‘Amarás o teu próximo e poderás odiar teu inimigo’. 44 Eu, porém, vos digo: amai vossos inimigos, fazei bem aos que vos odeiam, orai pelos que vos perseguem. 45 Deste modo sereis os filhos de vosso Pai do céu, pois ele faz nascer o sol tanto sobre os maus como sobre os bons, e faz chover sobre os justos e sobre os injustos. 46 Se amais somente os que vos amam, que recompensa tereis? Não fazem assim os próprios publicanos? 47 Se saudais apenas vossos irmãos, que fazeis de extraordinário? Não fazem isto também os pagãos? 48 Portanto, sede perfeitos, assim como vosso Pai celeste é perfeito". Palavra da Salvação. Comentário ao Evangelho A PERFEIÇÃO DO AMOR A exigência de amar os inimigos revolucionou a mentalidade dos discípulos do Reino. O AT recomendava agir com deferência em relação aos inimigos, mormente em certas circunstâncias especiais. A Lei obrigava a reconduzir o boi do inimigo, caso se tivesse desgarrado da manada. Ao inimigo faminto e sedento, dever-se-ia dar comida e bebida. Ninguém poderia alegrar-se com a queda do inimigo. No entanto, não encontramos aí um ensinamento preciso acerca do amar os inimigos. Jesus deu um passo considerável em relação à tradição judaica. O amor evangélico supera o nível do puro sentimento ou o da relação de amizade. Amar consiste em estabelecer uma comunhão profunda com o outro, tornar-se seu intercessor junto do Pai - "Orai por aqueles que vos perseguem e caluniam" -, desejar-lhe, ao saudá-lo, um shalom pleno, ou seja, saúde, prosperidade e bem-estar, e implorar para ele as bênçãos divinas - "Bendizei aqueles que vos maldizem". O amor recusa-se a nutrir desejos de vingança contra o inimigo. Antes, esforça-se continuamente para fazer-lhe o bem. A motivação do amor ao próximo funda-se no modo de agir do Pai. Quando se trata de fazer o bem às pessoas, ele não as divide entre más e boas, justas e injustas, de forma a conceder benefícios a umas e punição a outras. A perfeição do amor consiste na imitação do modo divino de agir. Por isso, o ideal do discípulo é ser perfeito como o Pai dos céus. Oração Espírito de amor perfeito, coloca-me no caminho da perfeição do Pai, que ama a humanidade, fazendo o bem a todos os seres humanos, sem distinção. <em>O comentário do Evangelho é feito pelo Pe. Jaldemir Vitório – Jesuíta, Doutor em Exegese Bíblica, Professor da FAJE – e disponibilizado neste Portal a cada mês.</em> Sobre as Oferendas Ó Deus, que pelo pão e vinho alimentais a vida dos seres humanos e os renovais pelo sacramento, fazei que jamais falte este sustento ao nosso corpo e à nossa alma. Por Cristo, noso Senhor. Antífona da Comunhão <em>Pai santo, guarda no teu nome os que me deste, para que sejam um como nós, diz o Senhor (Jo 17,11).</em> Depois da Comunhão Ó Deus, esta comunhão na eucaristia prefigura a união dos fiéis em vosso amor; fazei que realize também a comunhão na vossa Igreja. Por Cristo, nosso Senhor.Religião Liturgia Diária
Dia 15 de Junho – Terça-feira
XI SEMANA DO TEMPO COMUM
(Verde – Ofício do Dia)

Antífona de Entrada
Ouvi, Senhor, a voz do meu apelo: tende compaixão de mim e atendei-me; vós sois meu protetor: não me deixeis; não me abandoneis, ó Deus, meu salvador! (Sl 26,7.9)

Oração do dia
Ó Deus, força daqueles que esperam em vós, sede favorável ao nosso apelo e, como nada podemos em nossa fraqueza, dai-nos sempre o socorro da vossa graça, para que possamos querer e agir conforme vossa vontade, seguindo os vossos mandamentos. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Leitura (2 Coríntios 8,1-9)
Leitura da segunda carta de são Paulo aos Coríntios.
Irmãos, 8 1 desejamos dar-vos a conhecer, irmãos, a graça que Deus concedeu às igrejas da Macedônia.
2 Em meio a tantas tribulações com que foram provadas, espalharam generosamente e com transbordante alegria, apesar de sua extrema pobreza, os tesouros de sua liberalidade.
3 Sou testemunha de que, segundo as suas forças, e até além dessas forças, contribuíram espontaneamente
4 e nos pediam com muita insistência o favor de poderem se associar neste socorro destinado aos irmãos.
5 E ultrapassaram nossas expectativas. Primeiro deram-se a si mesmos ao Senhor e, depois, a nós, pela vontade de Deus.
6 De maneira que recomendamos a Tito que leve a termo entre vós esta obra de caridade, como havia começado.
7 Vós vos distinguis em tudo: na fé, na eloqüência, no conhecimento, no zelo de todo o gênero e no afeto para conosco. Cuidai de ser notáveis também nesta obra de caridade.
8 Não o digo como quem manda, mas, para exemplo do zelo dos outros, quisera pôr em prova a sinceridade de vossa caridade.
9 Vós conheceis a bondade de nosso Senhor Jesus Cristo. Sendo rico, se fez pobre por vós, a fim de vos enriquecer por sua pobreza.
Palavra do Senhor.

Salmo Responsorial 145/146
Bendize, ó minha alma, ao Senhor!
Bendirei ao Senhor toda a vida,
cantarei ao meu Deus sem cessar!

É feliz todo homem que busca
seu auxílio no Deus de Jacó
e que põe no Senhor a esperança.
O Senhor fez o céu e a terra,
fez o mar e que neles existe.
O Senhor é fiel para sempre.

Faz justiça aos que são oprimidos;
ele dá alimento aos famintos,
é o Senhor quem liberta os cativos.

O Senhor abre os olhos aos cegos,
o Senhor faz erguer-se o caído,
o Senhor ama aquele que é justo.
É o Senhor quem protege o estrangeiro.

Evangelho (Mateus 5,43-48)
Aleluia, aleluia, aleluia.
Eu vos dou novo preceito: que uns aos outros vos ameis, como eu vos tenho amado (Jo 13,34).
Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus.
Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 5 43 “Tendes ouvido o que foi dito: ‘Amarás o teu próximo e poderás odiar teu inimigo’.
44 Eu, porém, vos digo: amai vossos inimigos, fazei bem aos que vos odeiam, orai pelos que vos perseguem.
45 Deste modo sereis os filhos de vosso Pai do céu, pois ele faz nascer o sol tanto sobre os maus como sobre os bons, e faz chover sobre os justos e sobre os injustos.
46 Se amais somente os que vos amam, que recompensa tereis? Não fazem assim os próprios publicanos?
47 Se saudais apenas vossos irmãos, que fazeis de extraordinário? Não fazem isto também os pagãos?
48 Portanto, sede perfeitos, assim como vosso Pai celeste é perfeito”.
Palavra da Salvação.

Evangelho do Dia

Comentário ao Evangelho
A PERFEIÇÃO DO AMOR
A exigência de amar os inimigos revolucionou a mentalidade dos discípulos do Reino. O AT recomendava agir com deferência em relação aos inimigos, mormente em certas circunstâncias especiais. A Lei obrigava a reconduzir o boi do inimigo, caso se tivesse desgarrado da manada. Ao inimigo faminto e sedento, dever-se-ia dar comida e bebida. Ninguém poderia alegrar-se com a queda do inimigo. No entanto, não encontramos aí um ensinamento preciso acerca do amar os inimigos.
Jesus deu um passo considerável em relação à tradição judaica.
O amor evangélico supera o nível do puro sentimento ou o da relação de amizade. Amar consiste em estabelecer uma comunhão profunda com o outro, tornar-se seu intercessor junto do Pai – “Orai por aqueles que vos perseguem e caluniam” -, desejar-lhe, ao saudá-lo, um shalom pleno, ou seja, saúde, prosperidade e bem-estar, e implorar para ele as bênçãos divinas – “Bendizei aqueles que vos maldizem”.
O amor recusa-se a nutrir desejos de vingança contra o inimigo. Antes, esforça-se continuamente para fazer-lhe o bem.
A motivação do amor ao próximo funda-se no modo de agir do Pai. Quando se trata de fazer o bem às pessoas, ele não as divide entre más e boas, justas e injustas, de forma a conceder benefícios a umas e punição a outras.
A perfeição do amor consiste na imitação do modo divino de agir. Por isso, o ideal do discípulo é ser perfeito como o Pai dos céus.Oração
Espírito de amor perfeito, coloca-me no caminho da perfeição do Pai, que ama a humanidade, fazendo o bem a todos os seres humanos, sem distinção.
O comentário do Evangelho é feito pelo Pe. Jaldemir Vitório – Jesuíta, Doutor em Exegese Bíblica, Professor da FAJE – e disponibilizado neste Portal a cada mês.
Sobre as Oferendas
Ó Deus, que pelo pão e vinho alimentais a vida dos seres humanos e os renovais pelo sacramento, fazei que jamais falte este sustento ao nosso corpo e à nossa alma. Por Cristo, noso Senhor.
Antífona da Comunhão
Pai santo, guarda no teu nome os que me deste, para que sejam um como nós, diz o Senhor (Jo 17,11).
Depois da Comunhão
Ó Deus, esta comunhão na eucaristia prefigura a união dos fiéis em vosso amor; fazei que realize também a comunhão na vossa Igreja. Por Cristo, nosso Senhor.

carta

Publicado: junho 14, 2021 em Carta Capital, jornalismo, politica e debates_

Visualizar como página web TERÇA-FEIRA, 8 DE JUNHO DE 2021 ALVOS CPI pode quebrar nesta semana os sigilos de Carlos Bolsonaro, Wajngarten, Araújo e Pazuello
Comissão quer aprofundar apurações sobre o ‘ministério paralelo’; confira quem mais está na mira dos senadores
→ LEIA NO SITE


CORRIDA PELO PLANALTO

Lula ainda não ganhou, mas Bolsonaro já perdeu a eleição de 2022
‘As pesquisas de opinião mais recentes expuseram a fragilidade do presidente, um pequeno líder patético’, escreve Marcos Coimbra
→ LEIA NO SITE


MUNDO
‘Nem Castillo e nem Keiko têm a predisposição democrática de aceitar uma derrota tão estreita’
Julio Carrión faz balanço do 2º turno entre a esquerda radical e a extrema-direita
→ LEIA NO SITE DIRETO DA REDAÇÃO
Fique por dentro dos principais acontecimentos do dia
Rodrigo Martins e Alexandre Putti comentam
→ PERDEU O AO VIVO? ASSISTA AGORA POLÍTICA Parlamentares dos EUA cobram explicação do governo sobre conluio com a Lava Jato
Grupo solicitou informações em agosto de 2019, mas não obteve respostas
→ LEIA NO SITE SECRETO Exército impõe sigilo de 100 anos a processo contra Pazuello
A documentação é de acesso restrito aos agentes públicos autorizados
→ LEIA NO SITE
A pandemia não acabou. Use máscaras, lave as mãos e, se puder, fique em casa. Vamos sair dessa. ATENDIMENTO Para questões sobre sua assinatura entre em contato
com nossa central de atendimento de segunda a
sexta-feira, das 9:00h às 18:00h (exceto feriados):
São Paulo – (11) 3512-9486
Rio de Janeiro – (21) 4062-7183
Belo Horizonte – (31) 4062-7183
Brasília – (61) 3181-0215
Ou, se preferir, entre em contato pelo Fale Conosco.Enviado por CartaCapital
Alameda Santos, 1800 – 7º Andar – São Paulo, SP, Brasil
Se deseja não receber mais mensagens como esta, clique aqui.

conjur

Publicado: junho 14, 2021 em DIREITO _, divulgação

Consultor JurídicoNotícias ConJur – 13/06/2021
Plano de gestão
“Supremo Tribunal Federal tem trabalhado muito para ser uma corte 100% digital”, diz Luiz Fux
Além do investimento em tecnologia, presidente do STF tem buscado reduzir as decisões monocráticas e que os pedidos de vista obedeçam ao prazo regimental

Luta pela cidadania
Presidente da Corte, Humberto Martins completa 15 anos no STJAlvo da CPI
Ministro mantém quebra de sigilo de coordenadora de imunizaçãoPlano antirrascista

Carrefour fecha acordo de R$ 115 mi por morte em supermercadoLimitação inexistente
Direito de visita a presidiário não depende de união estável
Válvula de escape
Viktar Lenets
Quantidade de drogas, por si só, não deve impedir redutor de pena
Embargos Culturais
A biografia Paulo Rónai, o homem que aprendeu o Brasil
Segunda Leitura
A demora no julgamento no caso “massacre do Carandiru”Mais notícias
 Opinião: Auto e corregulação: ferramentas no canivete do regulador11/06  6h04 Opinião: Os 20 anos do Instituto Brasileiro de Direito Desportivo
Nexus – Sistema de Gestão Jurídica
Revista eletrônica Consultor Jurídico
https://www.conjur.com.br
13/06 18h10 Boatos e rumores não geram indenização por adultério, diz TJ-RJ
13/06 17h40 PGR contesta indenização a parlamentares convocados para sessões em SP
13/06 17h19 Conferência da USP sobre Direito e IA começa dia 21
13/06 17h08 Opinião: Créditos de carbono: conciliação ente lucro e agenda ESG
13/06 16h16 APET oferece curso de Direito Tributário Internacional
13/06 16h05 Risco de estadualização do REsp ronda PEC da Relevância
13/06 15h31 Cliente que sofreu queimadura em procedimento a laser será indenizada
13/06 15h09 Tripode: Eficácia do contrato de namoro e proteção patrimonial
13/06 14h44 STF valida criação da Superintendência da Polícia Científica do TO
13/06 14h02 Contratação de servidor de conselho deve ser averiguada pelo MPT
13/06 12h28 Convocação do PGJ-SP pela Assembleia Legislativa é inconstitucional
13/06 12h04 Opinião: Guia da LGPD: o operador de dados subordinado
13/06 11h45 TRF-1 afasta exigência de requerimento para isenção de IR
13/06 10h28 CQS/FV Advogados inaugura área de Direito Penal Empresarial
13/06 10h11 Rocha: Ficção, interpretação, decisão: história de um porco-espinho
13/06  9h43 Mãe afetiva tem direito de nome na certidão de nascimento
13/06  9h06 Moreira: Fundada suspeita e busca veicular: a recente decisão do STJ
13/06  8h49 Evento da OAB comemora 10 anos de advogados no STJ
13/06  8h22 Três ministros vindos da advocacia completam 10 anos de STJ
13/06  8h01 Quem tem medo da solução negociada de conflitos em licitações?
13/06  8h00 Repetição de indébito no contexto dos tributos indiretos
13/06  7h05 Sahione: Uso da maconha medicinal na perspectiva dos tribunais
13/06  6h33 Opinião: Os tribunais e as decisões referentes ao ITBI
13/06  6h02 Mariano: Recuperação judicial de associações é uma boa saída?
12/06 21h15 Alexandre de Moraes mantém quebra de sigilo de Ernesto Araújo
12/06 20h00 Quebra de sigilo de Pazuello só deve ser acessada por senadores
12/06 18h03 Tribunal reconhece direito de troca de curso sob bolsa ProUni
12/06 17h18 Empresa não precisa incluir PIS/Cofins em suas bases de cálculo
12/06 17h09 Veiga: Como o STJ supera precedentes firmados em repetitivos
12/06 16h42 JT reverte justa causa condena empresa de telefonia em R$ 100 mil
12/06 16h02 PGR estabelece critério para integrar Gaeco e prioriza mais antigos
12/06 15h16 Partidos acionam STF contra sigilo de PAD contra Pazuello
12/06 15h07 Becker e Seabra: Compensação de tributos e planejamento tributário
12/06 14h28 TJ-PB reduz multa em decisão já transitada em julgado
12/06 13h45 Defensoria do RJ investe para proteger dados pessoais de atendidos
12/06 13h08 Morre Marco Maciel, advogado e vice-presidente de FHC
12/06 13h02 Corrêa: A patente incentiva de fato a inovação em medicamentos?
12/06 12h25 Vara empresarial vai decidir se conflito compromete árbitro
12/06 12h10 Professores lançam livro gratuito sobre Direito Constitucional alemão
12/06 12h06 Maria Eduarda Bérgamo é nova sócia do Campos Mello Advogados
12/06 11h33 Associações defendem princípio do promotor natural
12/06 11h05 Opinião: Parâmetros para fixação de honorários no CPC
12/06 10h50 STF reafirma vedação para servidores do MP e da Justiça advogarem
12/06 10h20 Rondônia questiona autarquia para política fundiária e reforma agrária
12/06  9h50 Agenda de webinários: acompanhe debates jurídicos na internet
12/06  9h27 Responsabilidade estatal por ataque da PM em protesto foi destaque
12/06  9h08 Opinião: O formalismo excessivo na análise do seguro garantia
12/06  8h47 Ao morar junto, casal precisa separar união de namoro
12/06  8h23 Justiça nega pedido de verbas rescisórias de ex-companheira
12/06  8h03 A mineração nas unidades de conservação
12/06  8h02 O debate Hart-Dworkin: doutrina da discricionariedade judicial
12/06  8h01 O abandono do Plenário no júri
12/06  8h00 A patética diferença entre a ala ideológica e a técnica
12/06  7h49 Entrevista: Thiago Luiz da Costa, pesquisador do uso das ADPFs
12/06  7h30 STJ anula licitação e adia eficácia com base em nova lei
12/06  7h03 Opinião: Veto a artigo do marco das startups deve ser derrubado
12/06  6h34 Fragoso: Recuperação judicial não é calote no Fisco
12/06  6h06 Bersch e Trojan: É namoro ou união estável?
11/06 21h57 Líder de banca demite dois advogados pró-Trump e seus 3 sócios
11/06 21h40 CJF atualiza regras para trabalho presencial
11/06 21h36 CNJ muda regulamentação sobre suspensão de prazos processuais
11/06 21h25 STF rejeita ADI contra decreto que autoriza convênios da União
11/06 21h21 Banco é condenado por dispensar funcionária com esclerose múltipla
11/06 20h59 Moradores da Ilha do Pavão desalojados devem ser indenizados
11/06 20h31 Furto de carro em estacionamento não configura dano moral
11/06 20h06 Opinião: Lei que impede devolução com evento adiado é abusiva
11/06 19h49 Juiz autoriza paciente a cultivar cannabis para fins terapêuticos
11/06 19h24 STJ admite resolução de contrato com alienação fiduciária após registro
11/06 19h02 Marinangelo: Nova lei de licitações e os modelos contratuais Fidic
11/06 18h51 STJ prorroga julgamentos por videoconferência até 31 de agosto
11/06 18h19 Moraes pede destaque em ação sobre demarcação de terras indígenas
11/06 18h08 Gomes Júnior: O escândalo na CBF e a utilização de provas digitais
11/06 17h56 Alexandre pede vista e STF adia decisão sobre “revisão da vida toda”
11/06 17h23 STF destaca tese sobre admissibilidade de RE para ouvir a OAB
11/06 17h05 Opinião: Decadência de dívida tributária é respiro a empresários
11/06 16h52 TJ-SP concede devolução de prazo após advogada contrair Covid-19
11/06 16h28 Agente dos Correios não consegue estender licença-paternidade
11/06 16h11 Corregedora nega afastamento de Bretas, mas pede explicações
11/06 16h07 Ibrahim: Aspectos contratuais do seguro garantia judicial
11/06 15h39 TJ-RS anuncia retomada de prazos dos processos físicos no dia 15
11/06 15h18 Conscientização sobre trabalho infantil é tema de ação no Twitter
11/06 15h02 STJ julga dano presumido em condutas contrárias à Lei de Licitações
11/06 14h36 Justiça Federal deve apurar denúncia de crimes na compra de merenda
11/06 14h06 Monteggia: O diálogo entre ordens jurídicas na ADPF 153
11/06 13h57 Supremo marca audiência pública sobre sistema penitenciário
11/06 13h27 STJ autoriza início das obras do Terminal de Regaseificação de SP
11/06 13h15 Entidade pede suspensão do julgamento da “revisão da vida toda”
11/06 13h07 Streck: Tema 1.155: STF dará superpoder aos tribunais nos REs?
11/06 12h49 Prestadora é responsável por por acidente fatal com eletricista
11/06 12h27 Custeio sindical conforme a Constituição Federal
11/06 12h03 Keese e Siebner: Numerus clausus no sistema carcerário e o STF
11/06 11h44 Por um controle prévio de racionalidade na reforma do júri
11/06 11h26 Juiz rejeita denúncia contra empresário por falta de fundamentação
11/06 11h06 Mouta: Como recorrer de decisão referente a precedente qualificado?
11/06 10h56 STF julga gestão de recursos de penas pecuniárias pelo Judiciário
11/06 10h43 Lei de origem parlamentar sobre transporte alternativo é inválida
11/06 10h22 Discurso de Bolsonaro sobre máscaras é “necrófilo”, diz Celso
11/06 10h11 Sócios da Kincaid Mendes Vianna recebem Ordem de Mérito Naval
11/06 10h04 Advogado narra pressão de Nythalmar e pede suspeição de Bretas
11/06  9h40 Instituto defende medidas restritivas para combate à Covid-19
11/06  9h19 Invasão de domicílio sem comprovar autorização do morador é ilegal
11/06  9h01 Amorim: Regulamentação do marco do saneamento básico é ilegal
11/06  8h48 TJ-SP proíbe venda de cachaça com garrafa semelhante a concorrente
11/06  8h21 Agenda de webinários: acompanhe debates jurídicos na internet
11/06  8h01 Parecer jurídico e a nova lei de licitações (parte 1)
11/06  7h54 Pai deve receber indenização equivalente a licença-maternidade
11/06  7h29 Plano de saúde não precisa pagar remédio de tratamento domiciliar
11/06  7h03 Maia: Direito Penal Econômico na atualidade: breves considerações

Congresso Nacional, Câmara, Senado, fake news, Brasília, esplanada dos ministérios [Marcello Casal Jr/Agência Brasil]

11/06  6h31


RELIGIÃO LITURGIA DIÁRIA
Dia 14 de Junho – Segunda-feira
XI SEMANA DO TEMPO COMUM
(Verde – Ofício do Dia)

Antífona de Entrada
Ouvi, Senhor, a voz do meu apelo: tende compaixão de mim e atendei-me; vós sois meu protetor: não me deixeis; não me abandoneis, ó Deus, meu salvador! (Sl 26,7.9)

Oração do dia
Ó Deus, força daqueles que esperam em vós, sede favorável ao nosso apelo e, como nada podemos em nossa fraqueza, dai-nos sempre o socorro da vossa graça, para que possamos querer e agir conforme vossa vontade, seguindo os vossos mandamentos. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Leitura (2 Coríntios 6,1-10)
Leitura da segunda carta de são Paulo aos Coríntios.
6 1 Na qualidade de colaboradores seus, exortamo-vos a que não recebais a graça de Deus em vão.
2 Pois ele diz: “Eu te ouvi no tempo favorável e te ajudei no dia da salvação”. Agora é o tempo favorável, agora é o dia da salvação.
3 A ninguém damos qualquer motivo de escândalo, para que o nosso ministério não seja criticado.
4 Mas em todas as coisas nos apresentamos como ministros de Deus, por uma grande constância nas tribulações, nas misérias, nas angústias,
5 nos açoites, nos cárceres, nos tumultos populares, nos trabalhos, nas vigílias, nas privações;
6 pela pureza, pela ciência, pela longanimidade, pela bondade, pelo Espírito Santo, por uma caridade sincera,
7 pela palavra da verdade, pelo poder de Deus; pelas armas da justiça ofensivas e defensivas,
8 através da honra e da desonra, da boa e da má fama.
9 Tidos por impostores, somos, no entanto, sinceros; por desconhecidos, somos bem conhecidos; por agonizantes, estamos com vida; por condenados e, no entanto, estamos livres da morte.
10 Somos julgados tristes, nós que estamos sempre contentes; indigentes, porém enriquecendo a muitos; sem posses, nós que tudo possuímos!
Palavra do Senhor.

Salmo Responsorial 97/98
O Senhor fez conhecer a salvação.
Cantai ao Senhor Seus um canto novo,
porque ele fez prodígios!
Sua mão e o seu braço forte e santo
alcançaram-lhe a vitória.

O Senhor fez conhecer a salvação
e, às nações, sua justiça;
recordou o seu amor sempre fiel
pela casa de Israel.

Os confins do universo contemplaram
a salvação do nosso Deus.
Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira,
alegrai-vos e exultai!

Evangelho (Mateus 5,38-42)
Aleluia, aleluia, aleluia.
Vossa palavra é uma luz para os meus passos e uma lâmpada luzente em meu caminho (Sl 118,105).
Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus.
Naquele tempo, 5 38 disse Jesus: “Tendes ouvido o que foi dito: Olho por olho, dente por dente.
39 Eu, porém, vos digo: não resistais ao mau. Se alguém te ferir a face direita, oferece-lhe também a outra.
40 Se alguém te citar em justiça para tirar-te a túnica, cede-lhe também a capa.
41 Se alguém vem obrigar-te a andar mil passos com ele, anda dois mil.
42 Dá a quem te pede e não te desvies daquele que te quer pedir emprestado”.
Palavra da Salvação.

Paróquia São João Batista de Vila Ipojuca SP - DIA 18 DE JUNHO -  SEGUNDA-FEIRA Evangelho (Mateus 5,38-42) Proclamação do Evangelho de Jesus  Cristo segundo Mateus. 5 38 Disse Jesus: “Tendes ouvido

Comentário ao Evangelho
UM TREMENDO DESAFIO
Um dos desafios mais tremendos para os discípulos de Jesus consistia em “oferecer a outra face a quem lhes esbofeteasse a face direita”. Receber um tapa no rosto é uma experiência altamente ofensiva em qualquer cultura. Revidar é uma reação natural. O discípulo do Reino, porém, é orientado para agir de maneira diferente: jamais responder violência com violência.
As primeiras comunidades cristãs viam-se pressionadas pela violência de seus perseguidores. Quanto mais sem fundamento é a violência, tanto mais perversa e maligna ela é. A violência contra os cristãos era deste tipo. Se pagassem com a mesma moeda a violência sofrida, que moral teriam para proclamar a excelência do mandamento do amor e a urgência da reconciliação? Se se submetessem passivamente seriam dizimados dentro de pouco tempo. Se optassem por se dispersar ou por viver na clandestinidade, não poderiam realizar a missão de arautos do Evangelho que tinham recebido.
O gesto de oferecer a outra face era uma forma de resistência pacífica à fúria dos perseguidores. Significava que os discípulos de Jesus não temiam quem os perseguia; que recusavam a se rebaixar ao nível de seus adversários; que buscavam eliminar a violência no seu nascedouro; e que davam testemunho de um mundo novo onde a violência não tinha vez. Este testemunho inusitado poderia até mesmo levar os perseguidores à conversão.

Evangelho do Dia

Oração
Pai, não permitas que a violência tome conta do meu coração; antes, torna-me capaz de responder, com gestos de amor, a quem me faz o mal.
O comentário do Evangelho é feito pelo Pe. Jaldemir Vitório – Jesuíta, Doutor em Exegese Bíblica, Professor da FAJE – e disponibilizado neste Portal a cada mês.
Sobre as Oferendas
Ó Deus, que pelo pão e vinho alimentais a vida dos seres humanos e os renovais pelo sacramento, fazei que jamais falte este sustento ao nosso corpo e à nossa alma. Por Cristo, nosso Senhor.
Antífona da Comunhão
Pai santo, guarda no teu nome os que me deste, para que sejam um como nós, diz o Senhor (Jo 17,11).
Depois da Comunhão
Ó Deus, esta comunhão na eucaristia prefigura a união dos fiéis em vosso amor; fazei que realize também a comunhão na vossa Igreja. Por Cristo, nosso Senhor.

Cristãos devem andar na Luz: 7 extraordinárias lições de Jesus - Conexão  Boas Notícias

dom total

Publicado: junho 12, 2021 em Uncategorized

Visualizar na web


Dom Total e Faje celebram parceria pela popularização do conhecimento
‘A perversão do conhecimento é a morte da sociedade’, diz doutor em Filosofia

Reflexão filosófica e teológica são urgentes para os nossos tempos (NeONBRAND/Unsplash)
Muitos estudiosos ao tratar da contemporaneidade retratam os problemas decorrentes do excesso do fluxo de informações advindos dos avanços tecnológicos e suas manipulações. É nesse cenário de aceleração e desinformação que a reflexão profunda encontra sua urgência, evidencia o professor e padre jesuíta Elton Vitoriano, que, em entrevista, fala da importância da disseminação da reflexão filosófica e teológica.

Tendo em consideração a relevância da Filosofia e da Teologia, o Dom Total passa a publicar o material de popularização de conhecimento produzido pela Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia (Faje) no projeto Faje Online, que além de textos, inclui vídeos e podcasts. Desse modo, a revista eletrônica, pertencente a EMGE e a Dom Helder, une-se também a mais esta instituição de ensino jesuíta na colaboração da disseminação da reflexão e do aprofundamento de temas candentes em nossa sociedade. Leia a matéria completa
Enviado por Fundação Movimento Direito e Cidadania
R. Álvares Maciel, 628, Santa Efigênia, Belo Horizonte – MG, 30150-250

ae

Publicado: junho 12, 2021 em Uncategorized

lique aqui e leia no seu navegador Estadão boletimcoronavirus Marco Antonio Carvalho
Marco Antonio Carvalho
Repórter de Metrópole
Olá, boa noite,
O presidente Jair Bolsonaro é contra as máscaras. Isso já sabíamos desde o início da pandemia, quando ele em diferentes oportunidades se recusou a usar a proteção mesmo diante de aglomerações. Ontem, essa aversão ganhou um novo capítulo: a tentativa de atuar para desobrigar oficialmente o uso da proteção facial
Como isso será feito, não está claro já que a obrigação decorre de lei federal e leis estaduais. Bolsonaro disse ter solicitado um estudo ao seu ministro da Saúde, que confirmou o início das análises, mas destacou a necessidade de avançar na vacinação da população. Hoje, o presidente já disse que uma eventual liberação depende de prefeitos e governadores.
O fato é que a declaração presidencial motivou uma onda de críticas. Especialistas explicam que a máscara deve continuar a ser usada mesmo por vacinados e pessoas que se recuperaram da doença. A possibilidade de reinfecção e o alto patamar de transmissão do vírus no País estão entre as razões apontadas pelos profissionais.
“O que o presidente está propondo é uma conspiração contra todas as medidas sanitárias que estamos conseguindo adotar”, disse o sanitarista Gonzalo Vecina Neto. Enquanto isso, a vacinação avança a passos lentos; hoje temos 11% da população imunizada com duas doses. E a pandemia mantém o País em uma situação crítica: a média de mortes voltou a subir após 52 dias.Mais importantes do dia Proteção e controle de transmissão Por que máscaras são necessárias para vacinados e quem já foi infectado? 80% do total de vacinas aplicadas O que se sabe sobre a experiência da Coronavac no Chile? ‘Genocida’ Bolsonaro é hostilizado em avião e diz que opositores deviam viajar de ‘jegue’ Aliança contra a pandemia </aG-7 se compromete em ampliar doação de vacinas a países pobres para 1 bilhão de doses Cronograma Vacinação contra covid: veja calendário atualizado em SP, Rio, Brasília, BH e outras 16 cidades
Ocupação acima de 100% Com hospitais superlotados, Bauru já soma 100 mortes à espera de leitos de UTI Verifica
Agências reguladoras negam risco de infertilidade de vacinados
Exclusivo do Assinante Eliane Cantanhêde Eliane Cantanhêde < Marcelo Queiroga tem a hombridade de Mandetta e Teich ou a subserviência de Pazuello? Coluna do Estadão
<a Coluna do Estadão
Maranhão perto de imunizar a Grande São Luís </a Ícone de Mensagem Conheça nossas newsletters e se inscreva para receber as notícias do Estadão direto no seu e-mail Ainda não baixou o APP do Estadão