Archive for the ‘assessoria’ Category

secom __

Posted: May 19, 2017 in assessoria, comunicação, secom

Governo do Estado lança edital do Hospital Metropolitano
O Governo do Estado publicou na edição do Diário Oficial desta sexta-feira (19) o edital para construção do Hospital Metropolitano, que será construído no município de Lauro de Freitas, ao lado da Via Parafuso. O anúncio foi feito nesta manhã pelo governador Rui Costa em suas redes sociais.

Com o investimento estimado em R$ 150 milhões, a unidade será referência para casos de urgência e emergência, trauma, acidente vascular cerebral (AVC) e contará com 265 leitos, sendo 30 Unidades de Tratamento Intensivo (UTI). Um dos destaques do projeto é a Unidade de Atenção ao Acidente Vascular Cerebral (UAVC), que atende pacientes acometidos pelo Acidente Vascular Cerebral (isquêmico, hemorrágico ou ataque isquêmico transitório), na fase aguda, ofertando tratamento trombolítico venoso, reabilitação precoce e investigação etiológica completa. Também disponibilizará serviços de alta complexidade em neurocirurgia.

O hospital contará com oito salas de cirurgia e enfermarias nas especialidades de clínica geral, clínica cardiológica, clínica neurológica, cirurgia geral, cirurgia urológica, vascular, gastro e neurológica. Terá ainda setor de imagem e diagnóstico para realização de exames como tomografia, ressonância magnética, ecocargiograma e ultrassom. Um heliponto também será construído para uso nos casos mais urgentes.

A unidade será referência para os municípios de Camaçari, Candeias, Dias D’Ávila, Itaparica, Lauro de Freitas, Madre de Deus, Mata de São João, Pojuca, Salvador, São Francisco do Conde, São Sebastião do Passé, Simões FIlho e Vera Cruz.
Foto: Pedro Moraes/GOVBA

convocatória

Posted: May 5, 2017 in assessoria, cultura

Divulgado resultado da convocatória Ocupe Seu Espaço
No total, 144 propostas foram apresentadas para realização de atividades artístico-culturais no período de 5 de maio a 31 de agosto de 2017, das quais 125 foram aprovadas
A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) divulga o resultado da convocatória de Ocupação de Pautas Artístico-Culturais dos Espaços Culturais da SecultBA – Ocupe Seu Espaço, que visa impulsionar a difusão, democratizar o acesso, dinamizar os espaços e contribuir para o cumprimento dos objetivos das políticas culturais na dimensão territorial da cultura. No total, 144 propostas foram apresentadas para realização de atividades artístico-culturais no período de 5 de maio a 31 de agosto de 2017, das quais 125 foram aprovadas. As inscrições foram avaliadas por comissões individuais para cada equipamento, estruturando uma agenda conjeturada a partir do diagnóstico concreto de demandas para um período de quatro meses. O resultado pode ser consultado no site www.cultura.ba.gov.br.
Os projetos vão ocupar as salas principais, anfiteatros, foyers/galerias, áreas externas e salas multiuso de espaços culturais em diversos municípios da Bahia: em Salvador, a Casa da Música, o Centro Cultural Plataforma, o Cine Teatro Solar Boa Vista, o Espaço Cultural Alagados e o Espaço Xisto Bahia; em outras cidades da Bahia, participam a Casa de Cultura de Mutuípe, o Centro de Cultura de Guanambi, o Centro de Cultura ACM (Jequié), o Centro de Cultura Adonias Filho (Itabuna), o Centro de Cultura Amélio Amorim (Feira de Santana), o Centro de Cultura de Alagoinhas, o Centro de Cultura de Porto Seguro, o Centro de Cultura João Gilberto (Juazeiro), o Centro de Cultura Olívia Barradas (Valença), o Cine-Teatro Lauro de Freitas e o Teatro Dona Canô (Santo Amaro).
“Para a primeira edição desta convocatória, avaliamos que os resultados são positivos e tendem a se desdobrar com sucesso”, considera Sandro Magalhães, superintendente de Desenvolvimento Territorial da Cultura (Sudecult), ao qual a Diretoria de Espaços Culturais (DEC) é vinculada. “Este processo se compromete com avanços na institucionalidade, na democratização e na transparência do uso dos espaços, e vem também estimular o planejamento e a qualificação do relacionamento dos agentes culturais com os equipamentos públicos. O compromisso é de fomentar, formalizar e dar mais visibilidade para as práticas. É a primeira vez que nos posicionamos diante de um cenário real e amplo de solicitações, e isto é essencial para dar mais eficiência à gestão”, afirma ele.
Maria Marighella, diretora de Espaços Culturais, complementa: “A partir de agora, os produtores culturais podem se organizar antecipadamente para as próximas chamadas, criando uma rotina mais bem planejada destes procedimentos. O Ocupe Seu Espaço garante a reserva de pautas para as propostas integradas, mas as pautas que restaram vazias permanecem abertas a propostas, que podem ser negociadas diretamente com cada espaço, em sua autonomia e respeito às diretrizes da SecultBA”.
AVANÇOS – A convocatória de Ocupação de Pautas Artístico-Culturais dos Espaços Culturais da SecultBA – Ocupe Seu Espaço se apresenta como uma sistematização de práticas republicanas do uso de equipamentos públicos. Até este lançamento, as demandas de uso das dependências dos espaços culturais eram tratadas individualmente, com base em regulamentação e documentos oficiais e públicos, porém com limitações de alcance e de planejamento a médio prazo. A chamada garante a formatação de uma campanha para visibilizar os normativos, com os mesmos princípios e prazos para todos, estipulados a partir de regulamentos já existentes, sem qualquer burocratização do processo.
A avaliação das propostas se deu com base no mérito artístico e relevância artístico-cultural; na viabilidade de execução; na experiência e qualificação dos profissionais e artistas envolvidos; e na consonância com as políticas culturais. As selecionadas terão desconto de 50% sobre os valores de pauta ou percentual de bilheteria.
A SecultBA esclarece que o Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima, em Vitória da Conquista, está em processo de licitação de obras para requalificação de sua sala principal. Para resguardar qualquer impasse de uso no período, o espaço não foi incluído nesta primeira chamada.04/05/2017
Assessoria de Comunicação – Secretaria de Cultura do Estado da Bahia – SecultBA
Telefone: (71) 3103-3442 / 3452
Email: ascom@cultura.ba.gov.br
www.cultura.ba.gov.br | www.facebook.com/secultba
www.flickr.com/photos/secultba | www.twitter.com/SecultBA


Estácio abre Programa de Trainees 2017

Salvador, 16 de março de 2017 – A Estácio abriu, nesta semana, a seleção para trainees. Direcionado a alunos e ex-alunos formados na Estácio, de graduação e pós-graduação, o programa deve selecionar candidatos dos cursos de administração de empresas, ciências contábeis, ciências econômicas, comunicação social (nas habilitações jornalismo e publicidade e propaganda), engenharia de produção e civil, turismo, marketing, pedagogia, psicologia e tecnologia da informação; gestão comercial, gestão financeira e gestão de recursos huma
Adicionar novonos.

Os interessados em participar do programa precisam ter domínio do pacote Office e conhecimento de inglês (nível intermediário).
Ao todo, serão oferecidas oito vagas, distribuídas nas quatro regionais da empresa. As inscrições podem ser feitas pelo site www.estacio.br/trainee e se encerram em 31 de março.

 Sobre a Estácio

A Estácio, uma das maiores e mais respeitadas organizações educacionais do Brasil, atua há 46 anos no segmento de ensino superior. Fundada no Rio de Janeiro, a Estácio está presente em 22 estados e no Distrito Federal, contando com mais de 500 mil alunos matriculados e uma estrutura de 5 mil colaboradores e 9 mil professores.

A Estácio oferece cursos reconhecidos pelo MEC, com elevados conceitos de qualidade, nas modalidades presencial e à distância, de Graduação (Tradicional e Tecnológica) e Licenciatura, nas áreas de Ciências Exatas, Biológicas e Humanas e, também, cursos de pós-graduação lato sensu. Os cinco cursos de Mestrado e três de Doutorado (Direito, Odontologia e Educação) oferecidos pela instituição são avaliados com elevados conceitos de qualidade pelo MEC (CAPES). São desenvolvidos e ofertados, ainda, pela instituição, soluções de educação para empresas e cursos de extensão.

Cada vez mais comprometida com sua missão de “Educar para Transformar”, a Estácio mantém seus currículos totalmente alinhados às necessidades do mercado de trabalho e à evolução profissional dos alunos; e aposta na tecnologia e na inovação como diferenciais para aprimorar o aprendizado. Respeitadas as regionalidades e a contribuição individual de cada professor, o modelo de ensino da Estácio é nacionalizado e os conteúdos, padronizados. Todos os alunos recebem material didático gratuito, de alto nível, em uma cadeia totalmente sustentável.
Assessoria de Imprensa (BA)

Qualidade.Com Marketing e Comunicação
Atendimento: Renato Barbosa
Contatos: (71) 2137-9890; 99192-5807

 

q.com: merenda __

Posted: February 15, 2017 in assessoria, Qualidade.com__

Nutricionista orienta como preparar merenda escolar saudável e atrativa
Não é só o fato de se levar o lanche de casa que vai garantir uma alimentação saudável
Salvador, 15 de fevereiro de 2017 – Material escolar, fardamento, transporte são algumas das preocupações dos pais no período de volta às aulas. Mas outro quesito que não deve ser deixado de lado é a qualidade da merenda oferecida à criança. A professora do curso de pós-graduação em Nutrição Clínica e Funcional do Centro Universitário Estácio da Bahia, Renata Oliveira, dá dicas de como montar um lanche atrativo e saudável.
É importante evitar que a criança compre o lanche na cantina da escola. Desta forma, fica mais fácil garantir a qualidade da alimentação e manter o hábito da alimentação saudável iniciado em casa. Mas não é só o fato de se levar o lanche de casa que vai garantir uma alimentação saudável.
Na correria do dia a dia alguns pais acabam oferecendo para as crianças sucos de caixinha, refrigerantes, salgadinhos e biscoitos recheados devido à praticidade que esses produtos oferecem. “Produtos industrializados não são recomendados por terem grande quantidade de açúcares, sódio, conservantes e, além disso, anulam a oportunidade de contribuir com a formação do hábito alimentar saudável”, afirma Renata.
A especialista recomenda incluir na merenda sucos naturais, frutas, biscoito de polvilho, considerando a idade e a capacidade de mastigação da criança. “Para ser atrativo, o lanche deve ser colorido e variado, substituindo preparações hipercalóricas por compostos com ingredientes saudáveis”.
Além dos alimentos industrializados, a nutricionista recomenda também evitar o uso de iogurte, leite e achocolatados no lanche escolar. “Os alimentos lácteos não devem ser os principais escolhidos para os lanches, pois a digestão deles é mais lenta que a dos vegetais e, por isso, podem interferir nas principais refeições, como o almoço, por exemplo. Neste momento deve ser prioritário o consumo de frutas e outros alimentos reguladores. O lanche escolar também é importante na formação do hábito alimentar saudável da criança.
O consumo regular de alimentos industrializados e hipercalóricos leva a obesidade, que pode ter como consequência a hipertensão, a dislipidemia e a diabetes”, alerta Renata.
 Sobre a Estácio
A Estácio, uma das maiores e mais respeitadas organizações educacionais do Brasil, atua há 46 anos no segmento de ensino superior. Fundada no Rio de Janeiro, a Estácio está presente em 22 estados e no Distrito Federal, contando com mais de 500 mil alunos matriculados e uma estrutura de 5 mil colaboradores e 9 mil professores.
A Estácio oferece cursos reconhecidos pelo MEC, com elevados conceitos de qualidade, nas modalidades presencial e à distância, de Graduação (Tradicional e Tecnológica) e Licenciatura, nas áreas de Ciências Exatas, Biológicas e Humanas e, também, cursos de pós-graduação lato sensu. Os cinco cursos de Mestrado e três de Doutorado (Direito, Odontologia e Educação) oferecidos pela instituição são avaliados com elevados conceitos de qualidade pelo MEC (CAPES). São desenvolvidos e ofertados, ainda, pela instituição, soluções de educação para empresas e cursos de extensão.
Cada vez mais comprometida com sua missão de “Educar para Transformar”, a Estácio mantém seus currículos totalmente alinhados às necessidades do mercado de trabalho e à evolução profissional dos alunos; e aposta na tecnologia e na inovação como diferenciais para aprimorar o aprendizado. Respeitadas as regionalidades e a contribuição individual de cada professor, o modelo de ensino da Estácio é nacionalizado e os conteúdos, padronizados. Todos os alunos recebem material didático gratuito, de alto nível, em uma cadeia totalmente sustentável.
Assessoria de Imprensa (BA)
Qualidade.Com Marketing e Comunicação
Coordenação: Núbia Cristina Santos
Atendimento: Renato Barbosa
Contatos: (71) 2137-9890; 99192-5807

`,,´__ frutas, ambulante __ Aracaju, centro by alf ... !!!


má postura com mochilas -g searchEspecialista dá dicas de como evitar problemas com o uso inadequado da mochila
  Além do peso, a fisioterapeuta afirma que devem ser tomados cuidados com o tipo de mochila e com a forma de uso
Salvador, 25 de janeiro de 2017 – A partir de 01 de fevereiro começam as aulas na maioria das escolas. Uma preocupação que os pais devem ter é com o peso que será colocado nas mochilas dos filhos. A coordenadora do curso de Fisioterapia do Centro Universitário Estácio da Bahia, a doutora Thays Freitas, dá algumas dicas de como evitar os problemas provocados pelo excesso de peso.
De acordo com a fisioterapeuta, o peso e o tipo de mochila utilizado por crianças e adolescentes podem originar sérios problemas de postura, por possuírem ação direta na coluna vertebral, gerando uma lesão por sobrecarga devido ao seu uso contínuo. “Um dos acometimentos mais comuns é a hipercifose, conhecido popularmente como corcunda. A criança curva os ombros para frente para equilibrar o peso da mochila e o seu peso corpóreo acentuando a hipercifose”, destaca Thays.
A professora informa que na mochila não deve ser carregado mais do que 10% do peso corporal. Então, por exemplo, uma criança que possui 40 quilos não deve carregar mais que 4 kg nas costas.
Além do peso, Thays ressalta que devem ser tomados cuidados também na hora da escolha da mochila e na forma de uso. “Quando escolher as mochilas, observe se elas possuem alças largas e acolchoadas, pois elas distribuem melhor o peso por atenderem uma área maior dos ombros e minimizam a sobrecarga sobre os mesmos”, explica.
 Segundo a professora, a mochila deve ser posicionada de forma que fique centralizada na coluna vertebral com as alças ajustadas simetricamente nos ombros. Desta forma, há uma distribuição adequada do peso, minimizando a necessidade de inclinações para compensações, pois estas geram sobrecarga nos músculos, ossos e articulações, o que potencializa o desenvolvimento de dores e lesões. “O ajuste das alças deve feito de acordo com o tamanho da criança, reguladas de forma que a parte inferior da mochila fique na linha da cintura ou um pouco abaixo, mas nunca abaixo da altura dos glúteos”, afirma.
 Thays diz que as mochilas com rodinhas também são aceitáveis, desde que respeitem a carga de no máximo 10% do peso corporal. A fisioterapeuta também recomenda alguns cuidados ao puxá-las para que não gerem lesões. “As crianças não devem estar inclinadas para trás, nem devem ter que girar o tronco em grande amplitude para carregar a mochila, que deve ficar próxima ao corpo, quase ao lado e na altura da cintura para que a criança ande ereta e não posicione a mão muito para trás”, explica a professora.
   Sobre a Estácio
  A Estácio, uma das maiores e mais respeitadas organizações educacionais do Brasil, atua há 46 anos no segmento de ensino superior. Fundada no Rio de Janeiro, a Estácio está presente em 22 estados e no Distrito Federal, contando com mais de 500 mil alunos matriculados e uma estrutura de 5 mil colaboradores e 9 mil professores.

A Estácio oferece cursos reconhecidos pelo MEC, com elevados conceitos de qualidade, nas modalidades presencial e à distância, de Graduação (Tradicional e Tecnológica) e Licenciatura, nas áreas de Ciências Exatas, Biológicas e Humanas e, também, cursos de pós-graduação lato sensu. Os cinco cursos de Mestrado e três de Doutorado (Direito, Odontologia e Educação) oferecidos pela instituição são avaliados com elevados conceitos de qualidade pelo MEC (CAPES). São desenvolvidos e ofertados, ainda, pela instituição, soluções de educação para empresas e cursos de extensão.
Cada vez mais comprometida com sua missão de “Educar para Transformar”, a Estácio mantém seus currículos totalmente alinhados às necessidades do mercado de trabalho e à evolução profissional dos alunos; e aposta na tecnologia e na inovação como diferenciais para aprimorar o aprendizado. Respeitadas as regionalidades e a contribuição individual de cada professor, o modelo de ensino da Estácio é nacionalizado e os conteúdos, padronizados. Todos os alunos recebem material didático gratuito, de alto nível, em uma cadeia totalmente sustentável.
 Assessoria de Imprensa (BA)
Qualidade.Com Marketing e Comunicação
Coordenação: Núbia Cristina Santos
Atendimento: Renato Barbosa
Contatos: (71) 2137-9890; 99192-5807

 


Estácio lança programa de parcelamento de mensalidades
  Recurso permitirá aos novos alunos pagar o total do curso no dobro do tempo de estudo
Salvador, 24 de janeiro de 2017 – Os alunos que ingressam na Estácio a partir do início de 2017 podem contar com uma facilidade para pagar suas mensalidades: o Parcelamento Estácio, ou PAR, permite que o aluno pague metade do valor total do curso enquanto estiver estudando e a outra metade após a formatura. “A Estácio tem como compromisso facilitar o sonho de milhares de brasileiros que desejam fazer um curso superior. Nós queremos fazer parte da melhor fase da vida das pessoas”, afirma Higino Viegas, vice-presidente de Mercado do Grupo Estácio.
 O parcelamento se dá de maneira progressiva. O aluno paga 30% do valor das mensalidades nos dois primeiros semestres; 40% no terceiro semestre, 50% no quarto e 60% a partir do quinto período. Em um curso de quatro anos, por exemplo, o estudante terá mais quatro anos para pagar o restante dos valores. Durante esse período, vai incidir a correção monetária pelo IPCA.
 Os alunos que estão ingressando na Estácio no primeiro semestre de 2017 já estão aptos a solicitar o PAR, sem necessidade de fiador. O CPF do estudante precisa estar em situação regular junto à Receita Federal. Não poderão aderir estudantes de cursos na modalidade à distância e Flex, ou que possuem contrato do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) ou do Programa Universidade para Todos (ProUni). O parcelamento também não está disponível para os cursos de Medicina, Odontologia, Medicina Veterinária e Gastronomia.
  Sobre a Estácio
 A Estácio, uma das maiores e mais respeitadas organizações educacionais do Brasil, atua há 46 anos no segmento de ensino superior. Fundada no Rio de Janeiro, a Estácio está presente em 22 estados e no Distrito Federal, contando com mais de 500 mil alunos matriculados e uma estrutura de 5 mil colaboradores e 9 mil professores.
A Estácio oferece cursos reconhecidos pelo MEC, com elevados conceitos de qualidade, nas modalidades presencial e à distância, de Graduação (Tradicional e Tecnológica) e Licenciatura, nas áreas de Ciências Exatas, Biológicas e Humanas e, também, cursos de pós-graduação lato sensu. Os cinco cursos de Mestrado e três de Doutorado (Direito, Odontologia e Educação) oferecidos pela instituição são avaliados com elevados conceitos de qualidade pelo MEC (CAPES). São desenvolvidos e ofertados, ainda, pela instituição, soluções de educação para empresas e cursos de extensão.
Cada vez mais comprometida com sua missão de “Educar para Transformar”, a Estácio mantém seus currículos totalmente alinhados às necessidades do mercado de trabalho e à evolução profissional dos alunos; e aposta na tecnologia e na inovação como diferenciais para aprimorar o aprendizado. Respeitadas as regionalidades e a contribuição individual de cada professor, o modelo de ensino da Estácio é nacionalizado e os conteúdos, padronizados. Todos os alunos recebem material didático gratuito, de alto nível, em uma cadeia totalmente sustentável.
Assessoria de Imprensa (BA)
Qualidade.Com Marketing e Comunicação
Coordenação: Núbia Cristina Santos
Atendimento: Renato Barbosa
Contatos: (71) 2137-9890; 99192-5807

Resultado de imagem para fotos da Estacio de sa em Salvador

parques do lazer __

Posted: November 26, 2016 in assessoria, comunicação

Parques de Salvador recebem primeira Virada SustentávelExibindo assinatura-e-mail-conjugado.png
Evento estimula ações sustentáveis com programação para a família com patrocínio via Fazcultura
Parques de Salvador – alguns pouco conhecidos e frequentados pelos soteropolitanos – serão palco da primeira Virada Sustentável Salvador, que acontece entre 25 e 27 de novembro, com programação gratuita para a população. Jardim Botânico, Parque Costa Azul, Parque da Cidade, Parque de Pituaçu e Parque São Bartolomeu serão os pontos principais na capital baiana que receberão a extensa programação do evento, uma realização do Instituto Fábrica de Florestas em parceria com a Virada Sustentável.
Com a participação de organizações da sociedade civil, órgãos públicos, setor privado, escolas e universidades, além de coletivos de cultura e movimentos sociais, a Virada Sustentável é um grande festival de mobilização e educação para a sustentabilidade. Na programação, estão previstos shows musicais, apresentações teatrais, instalações, exposições, literatura, ações sociais, além de debates e oficinas, todos em torno do tema Sustentabilidade.
AÇÕES
Fiel ao que apresentará em toda sua programação, a Virada Sustentável também tomará atitudes que visam diminuir o impacto ambiental, como a coleta de lixo eletrônico, vidro e óleo nos locais das atrações e coleta seletiva e gestão de resíduos em parceria com cooperativas. A produção aproveitará a primeira edição do evento, ainda, para fazer um mapeamento de acessibilidade e necessidades especiais para pessoas com deficiência e mapear e estimular o uso de transporte público, compartilhado e alternativo (bicicleta e a pé). Até mesmo os banners do material de comunicação (placas e totens espalhados pela cidade e locais do evento) serão transformados em sacolas ou reutilizados.Resultado de imagem para parques pituaçu e São Bartolomeu
“A Virada Sustentável é um festival que procura inspirar o público para uma nova visão de mundo, mais inteligente e sustentável, a partir de uma abordagem positiva e atraente, usando a arte, o lúdico, como ferramentas principais. Realizar uma edição em Salvador sempre foi um sonho para nós”, explica André Palhano, da Virada Sustentável. O evento é apresentado pela Braskem e Governo da Estado da Bahia, com patrocínio da Coelba e Vivo, através do Fazcultura.
Sobre o Instituto Fábrica de Florestas – IFF
O IFF foi criado em 2005 para promover o desenvolvimento sustentável e a conservação ambiental da região ao longo do Litoral Norte e do Anel Florestal de Camaçari. A organização é mantida pelo Comitê de Fomento Industrial de Camaçari (Cofic), Cetrel e Braskem. A partir de 2011 expandiu sua atuação e, além do Eco Parque Sauípe, fixou presença nos Parques Municipais das cidades de Duque de Caxias (RJ), Santo André e Paulínia (SP), em parceria com as Prefeituras locais. Ano passado, o Instituto foi convidado pelo Presidente da Comissão de Meio Ambiente do Senado Federal para desenvolver um projeto de recuperação das nascentes do Rio São Francisco e desde julho deste ano se empenha com o projeto Reviveiros Velho Chico.
FAZCULTURA – Parceria entre a SecultBA e a Secretaria da Fazenda (Sefaz), o mecanismo integra o Sistema Estadual de Fomento à Cultura, composto também pelo Fundo de Cultura da Bahia (FCBA). O objetivo é promover ações de patrocínio cultural por meio de renúncia fiscal, contribuindo para estimular o desenvolvimento cultural da Bahia, ao tempo em que possibilita às empresas patrocinadoras associar sua imagem diretamente às ações culturais que considerem mais adequadas, levando em consideração que esse tipo de patrocínio conta atualmente com um expressivo apoio da opinião pública.
23/11/2016

parque pituaçu