agro news __

Posted: January 31, 2016 in agricultura_seagri

Exibindo DSCF0505.jpgExpoConquista vai atrair investidores estrangeiros para a região sudoeste do Estado
“Vamos demonstrar oportunidades para driblar a crise financeira do Brasil, que só pode ser superada com muito trabalho, e o Estado da Bahia é exemplo disso, visto que o governo mantém o nível de investimento e fomento às atividades produtivas”. Essa foi a afirmação do secretário da Agricultura, Vitor Bonfim, que representou o governador do Estado, Rui Costa, no lançamento da 50ª edição da ExpoConquista, promovida pela Cooperativa Mista Agropecuária Conquistense (Coopmac) e pela Associação dos Cafeicultores de Conquista (Asccon), realizado nesta quinta-feira, em Vitória da Conquista. A exposição acontece de 11 e 20 de março deste ano, no Parque de Exposições Teopompo de Almeida. Com expectativa de receber mais de 100 mil visitantes, uma das novidades deste ano é o programa “Conquista Genética”, que vai capacitar produtores sobre melhoramento genético das raças leiteiras e de corte.
“Em ação integrada com a Coopmac, vamos trazer à exposição uma empresa australiana, para apresentar a oportunidade de exportar gado em pé para o Oriente Médio”, explicou o secretário da Agricultura, ressaltando a alta qualidade do rebanho de Vitória da Conquista e região, e a importância da ação da Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), vinculada à Seagri, na atração desses investidores. “A Adab executa excelente trabalho de defesa zoofitossanitária, protegendo o Estado da entrada de doenças quarentenárias, e fazendo com que os olhos dos investidores se voltem para nós”, destacou Bonfim. Ele revelou que “estamos avançando para conseguir o reconhecimento de Zona Livre de Peste Suína Clássica, atraindo o interesse dos investidores também para a suinocultura do Estado, valorizando inclusive a vocação que temos para produção de grãos, como fonte de alimentação animal”.
De acordo com o secretário da Agricultura, “o agronegócio baiano tem atraído investimentos estrangeiros nos últimos anos, e um exemplo de novas possibilidades de parcerias internacionais é o fato recente da China, que suspendeu a política do filho único, após quase 40 anos, influenciando o crescimento populacional e, consequentemente, demandando maior aquisição de alimentos de outros países para a população”, disse.
A aquicultura também será demonstrada pela Bahia Pesca na ExpoConquista, como oportunidade de negócios, através da experiência de criação de peixes em tanques-rede e escavados. “Essa foi uma das missões dadas pelo governador Rui Costa à Seagri, através da Bahia Pesca, de fomentar a piscicultura na região, tendo a barragem do município de Anagé com imenso potencial que pode ser melhor explorado. A aquicultura será mais uma opção de negócios para os produtores, consociada com as vertentes naturais da região de produção de café e criação do gado de corte”, disse Bonfim.
Ascom Seagri – 29 de janeiro de 2016
Viviane Cruz – DRT-BA 4735
71.3115.2794 / 3115.2737/2767/ 8718.2872

Povoamento de aguadas públicas ___ aquicultura by seagri

 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s